sábado, 11 de setembro de 2010

Spartacus: Blood and Sand



Spartacus: Blood and Sand

Estreiou no Brasil pelo canal a cabo Globosat HD, a nova série sobre o histórico personagem Spartacus: Blood and Sand! Trazendo uma nova versão do personagem e do tema gladiadores, nova linguagem visual, efeitos especiais, sensualidade e violência, a série promete. Até aonde vi, para vocês terem uma noção, a série deixa o épico filme de Stanley Kubrick parecendo uma historinha para criança... O filme de Kubrick é excelente, sem dúvida, mas sempre me deixou um tanto frustrado devido ao tratamento heróico e não verdadeiro sobre o tema. Ao contrário, essa nova série está com uma abordagem mais enfática, com um toque maior de ousadia e menos de romance. Muito sangue, gladius, nudez, História e intrigas. Interessante, vale conferir.


.....................................................................................
Trailer:



Spartacus: Blood and Sand é um seriado da Starz (produtora de Party Down) estreado em Janeiro de 2010, no Brasil a série será exibida pelo canal Globosat HD. A série é focada em Spartacus, o famoso escravo que se tornou gladiador e liderou a mais célebre revolução da Roma Antiga. Sua história já foi narrada em diversos livros, telefilmes, games e foi imortalizada pelo cineasta Stanly Kubrick em seu filme estrelado por Kirk Douglas. Agora, é a vez dos produtores Joshua Donen e Sam Raimi (diretor da trilogia Homem Aranha) contarem a jornada do ícone histórico na série Spartacus: Blood and Sand.
A série foi filmada na Nova Zelândia, local onde Raimi trabalhou em sua produções anteriores, Hércules: A Jornada Lendária e Xena: A Princesa Guerreira, e apresenta uma estética reminiscente do filme 300.
Para tentar contornar os problemas que envolvem uma adaptação histórica, os produtores optaram por tomar liberdades para contar a enredo da série. Desta forma, a trama acompanha o soldado trácio Spartacus (Andy Whitfield) que é sentenciado à morte em uma arena após desafiar o comando de Claudius Glaber (Craig Parker, O Senhor dos Anéis). Como previsto por Spartacus (e ignorado por Glaber), a vila onde vivia o trácio é atacada por bárbaros, e não há nenhum romano ou homem por perto para defendê-la. Em um ato de rebeldia Spartacus retorna para casa e salva sua esposa da morte certa, fugindo com ela logo após, temendo a represália de Glaber. Mas esta não demora, e Spartacus é capturado e levado como escravo, mesmo destino de Sura, sua esposa, separada dele ao ser vendida a mercadores sírios. Ao ser jogado à morte na arena para a diversão da plebe, ele surpreende a todos e vence a disputa, matando quatro gladiadores, demonstrando que não irá morrer enquanto não reencontrar sua esposa. Depois do "show", Spartacus é comprado por Batiatus (John Hannah, da trilogia A Múmia), que pretende lucrar com seu novo escravo e colocando-o nos combates de arenas. No entanto, o treinador de gladiadores Doctore (Peter Mensah, 300), desaprova a idéia de ter Spartacus como um gladiador, uma vez que ele é movido pela vingança. Em vários episódios que seguem é enfatizada a força de vontade que Sura inspira em Spartacus, dando a ele forças para enfrentar os horrores a que é submetido por não querer seguir as ordens de seu novo Dominus.
Spartacus: Blood and Sand, que ainda traz Lucy Lawless (Xena) em seu elenco, promete 13 episódios repletos de ação, sangue e luxúria. Ainda promete ter cenas de sexo nunca antes produzidas na TV. Antes mesmo de sua premiere, Spartacus já mostrou que veio para ficar e para a surpresa de muitos, foi renovada para uma segunda temporada , que deverá se chamar Spartacus: Vengeance. A renovação foi anunciada recentemente e demonstra que o canal está realmente apostando alto na trama.

Fontes:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Spartacus:_Blood_and_Sand
www.starz.com/originals/spartacus

Nenhum comentário: